sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010

Depois que comecei o vigilantes do peso não tenho feito muitas coisas gostosas, nem tenho estado muito inspirada. As comidinhas são aquelas de sempre, sem muita novidade, e por isso o Vó Mindoca tem estado tão magrinho, quase sem receitas novas. Tenho tentado fazer algumas receitas de doces e bolos das receitas dos Vigilantes , mas confesso que não tem ficado muito bom.
Mas esta receita de bolo invertido de abacaxi me chamou atenção e arrisquei prepará-lo. Não é que ficou bem gostoso?! Este eu recomendo, facinho de fazer e bem gostoso!!

Ingredientes:
  • 1/4 de xícara de óleo de canola
  • 4 colheres (sopa) de açúcar mascavo
  • 5-6 rodelas finas de abacaxi sem miolo
  • 1/4 xícara de suco de abacaxi
  • 1/2 xícara de leite desnatado
  • 1 ovo
  • 1 xícara de farinha de trigo
  • 1/2 xícara de farinha de trigo integral
  • 2 colheres (chá) de fermento em pó
  • 1/2 colher (chá) de sal
  • 1/4 de xícara de cada: açúcar branco e mascavo
Modo de preparo:
Preaqueça o forno a 180º. Unte uma forma refratária com algumas gtas de óleo. Polvilhe o fundo da forma com a 4 colheres de açúcar mascavo. Arrume as rodelas de abacaxi numa única camada. Regue com o suco.
Bata numa tigela pequena, o óleo, o leite e o ovo até misturar. Reserve.
Peneire numa tigela média, a farinha, o fermento, o sal, e o açúcar. Adicione a mistura de leite e bata até ficar cremoso. Com ajuda de uma espátula, espalhe por cima do abacaxi na forma preparada. Asse por 30-35 minutos até que, inserindo um palito, este saia seco.
Esfrie o bolo por 10-15 minutos antes de inverter sobre um prato decorativo. Este bolo é de preparação rápida e é muito gostoso ainda morno.

(Para os adeptos do V.P., rende 16 porções de 3 pontos cada)
21:51 Neyma
Depois que comecei o vigilantes do peso não tenho feito muitas coisas gostosas, nem tenho estado muito inspirada. As comidinhas são aquelas de sempre, sem muita novidade, e por isso o Vó Mindoca tem estado tão magrinho, quase sem receitas novas. Tenho tentado fazer algumas receitas de doces e bolos das receitas dos Vigilantes , mas confesso que não tem ficado muito bom.
Mas esta receita de bolo invertido de abacaxi me chamou atenção e arrisquei prepará-lo. Não é que ficou bem gostoso?! Este eu recomendo, facinho de fazer e bem gostoso!!

Ingredientes:
  • 1/4 de xícara de óleo de canola
  • 4 colheres (sopa) de açúcar mascavo
  • 5-6 rodelas finas de abacaxi sem miolo
  • 1/4 xícara de suco de abacaxi
  • 1/2 xícara de leite desnatado
  • 1 ovo
  • 1 xícara de farinha de trigo
  • 1/2 xícara de farinha de trigo integral
  • 2 colheres (chá) de fermento em pó
  • 1/2 colher (chá) de sal
  • 1/4 de xícara de cada: açúcar branco e mascavo
Modo de preparo:
Preaqueça o forno a 180º. Unte uma forma refratária com algumas gtas de óleo. Polvilhe o fundo da forma com a 4 colheres de açúcar mascavo. Arrume as rodelas de abacaxi numa única camada. Regue com o suco.
Bata numa tigela pequena, o óleo, o leite e o ovo até misturar. Reserve.
Peneire numa tigela média, a farinha, o fermento, o sal, e o açúcar. Adicione a mistura de leite e bata até ficar cremoso. Com ajuda de uma espátula, espalhe por cima do abacaxi na forma preparada. Asse por 30-35 minutos até que, inserindo um palito, este saia seco.
Esfrie o bolo por 10-15 minutos antes de inverter sobre um prato decorativo. Este bolo é de preparação rápida e é muito gostoso ainda morno.

(Para os adeptos do V.P., rende 16 porções de 3 pontos cada)

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010

Enfim Roma, cidade linda, mágica, romantica, receptiva, alegre, respira-se história, uma enciclopédia viva e dinâmica, moderna e antiga em muitos aspectos, todos de alguma forma fazemos parte de toda aquela história que transborda de suas ruelas, praças, povo, vida que passa sem pressa, monumentos preservados, história congelada. Parece que a qualquer momento poderiamos encontrar aquelas figuras do passado romano. Uma lição a céu aberto, foi como se entrasse num livro e testemunhasse a história. Lindo, lindo!!!


Nossa primeira refeição em Roma foi na Tratoria Giovanni, bem em frente ao Rio Tibre, o dono, do mesmo nome, muito simpático e atencioso. Quanto aos pratos, massas, risoto, sopa de legumes e de sobremesa não poderia faltar um delicioso tiramisu.



Em nossa ultima refeição em Roma almoçamos num delicioso restaurante próximo a praça Navona, perto de nosso hotel. Hospitalidade nota 10, assim como os pratos: Massa com frutos do mar, bolonhesa e carbonara. E as sobremesas, então...Tudo delicioso, acompanhado obviamente por um maravilhoso vinho nacional!!!
Valeu cada quilinho adquirido nesta viagem!!! Puro prazer!!
23:17 Neyma
Enfim Roma, cidade linda, mágica, romantica, receptiva, alegre, respira-se história, uma enciclopédia viva e dinâmica, moderna e antiga em muitos aspectos, todos de alguma forma fazemos parte de toda aquela história que transborda de suas ruelas, praças, povo, vida que passa sem pressa, monumentos preservados, história congelada. Parece que a qualquer momento poderiamos encontrar aquelas figuras do passado romano. Uma lição a céu aberto, foi como se entrasse num livro e testemunhasse a história. Lindo, lindo!!!


Nossa primeira refeição em Roma foi na Tratoria Giovanni, bem em frente ao Rio Tibre, o dono, do mesmo nome, muito simpático e atencioso. Quanto aos pratos, massas, risoto, sopa de legumes e de sobremesa não poderia faltar um delicioso tiramisu.



Em nossa ultima refeição em Roma almoçamos num delicioso restaurante próximo a praça Navona, perto de nosso hotel. Hospitalidade nota 10, assim como os pratos: Massa com frutos do mar, bolonhesa e carbonara. E as sobremesas, então...Tudo delicioso, acompanhado obviamente por um maravilhoso vinho nacional!!!
Valeu cada quilinho adquirido nesta viagem!!! Puro prazer!!